English - Español - Française

sábado, 3 de maio de 2008

O valor de um homem

- Todo homem tem o seu valor! – era a frase que não saía da cabeça de Jeferson, dita por seu pai, há um ano.
Mas ele não sabia o que fazer para mostrar o seu valor. Muito menos sabia encontrar esse tal valor. Por conta disso, Jeferson enfiou algumas idéias na cabeça. Iria estudar e encontrar um bom emprego, que mostrasse o seu verdadeiro valor de homem.

E estudou bastante.

E passou no vestibular em primeiro lugar. E se formou com todos os louros de um aluno nota 10, e, de acordo com seus planos, a faculdade de química garantiu um lugar de destaque numa multinacional.
Jeferson ficou rico. E comprou o carro do ano e uma cobertura duplex no centro da cidade.
Num belo domingo de sol, Jeferson saiu de casa, direto para a padaria, onde compraria alguns pães para o seu desjejum. Calçou seu melhor par de tênis e saiu, feliz da vida.
Ao virar a esquina, Jeferson se assustou com um revólver apontado contra o seu peito. Cláudio apertou o gatilho e o corpo de Jeferson caiu duro no chão. O assassino guardou o revólver na cintura, tirou os tênis do morto e saiu correndo.
- Que coisa horrível! – comentou uma mulher à amiga, ao ver o corpo estendido no chão.
- Aonde vamos parar, meu Deus? – perguntou um senhor de 65 anos.

- É... – comentou um transeunte que presenciou toda a cena. – Como dizia o meu velho pai: “Todo homem tem o seu valor!”

- O daquele rapaz foi um par de tênis de 400 reais. – emendou alguém.

2 comentários:

Vivi disse...

O valor não está nas coisas que se tem. Mas sim na pessoa que se é, diz minha mãe.

custela disse...

infelizmente, vivi, vivemos num mundo movido pelos ideais capitalistas, por isso, qto mais se tem, mais importante se torna... ter é melhor do q ser... e qm nao tem, não é... uma pena, porque com essa ideologia mediocre, deixamos de prestar atenção nas pessoas, na essencia delas, e no q cada um pode oferecer de melhor para tornar o mundo um lugar melhor... humpf